Com a chegada do Art of Motion nas américas, a comunidade mais respeitada e influente dos Estados Unidos manifestou o seu posicionamento: “Não iremos apoiar e nem promover esse evento”.

Quem acompanha o trabalho do American Parkour sabe que eles são contra campeonatos exibicionistas e qualquer tipo de “venda prejudicial” da atividade.  Mas o que chama atenção dessa vez é que a justificativa para a declaração não foi a respeito do caráter competitivo do evento:

“Enquanto várias comunidades do mundo divulgam o campeonato, o RedBull Art of Motion não será apoiado por nós. Nós da APK resolvemos tomar partido a favor da saúde e por isso somos contra o uso de bebidas energéticas a base de cafeína e substâncias que alterem o funcionamento normal do corpo. Foi difícil tomarmos essa decisão porque esse ramo costuma patrocinar o Parkour com dinheiro e oportunidades, mas o nosso objetivo é promover nossa atividade em parceria com coisas que sejam benéficas a saúde. Percebemos que aliar a imagem do Parkour a bebidas desse tipo e com fotos de pessoas pulando radicalmente por aí, causa a impressão errada, especialmente para os jovens que são o alvo desse marketing agressivo. Se você quer ser bom no parkour, beba água. Beba muita água e treine pesado.”

Tempos atrás a APK já havia recusado apoio a uma empresa de cigarros. Processo semelhante àquele que aconteceu na China.

E você? Achou a atitude correta? Exagero? Errada? Conta aí. :)